Brasil Enduro Series 2016 no Zoom
11/05/2016
Pump: Bombeie sua bike em busca de velocidade
16/06/2016

Regras para as Trilhas

 

Você está realmente preparado para encarar e curtir trilhas pelo país e mundo a fora?

Além de treinar e ter bons equipamentos, alguns conhecimentos e boas práticas  fazem toda a diferença para sua segurança e para o bom desenvolvimento do mountain bike em trilhas. Veja o “IMBA Rules of the Trail, Regras da Trilha, descrito no livro “Trail Solutions”, aqui traduzido com algumas adaptações a realidade elinguagem brasileira.

O modo como pilotamos hoje molda o Acesso as Trilhas de amanhã. Faça sua parte para preservar e melhorar  nossa imagem como esportistas seguindo as Regras para as Trilhas, que são reconhecidas e respeitadas ao redor do mundo sendo um código de conduta para os Mountain Bikers.

Pedale apenas em trilhas abertas

  • Respeite a sinalização e não prossiga em trilhas ou estradas fechadas (em caso de incerteza, pergunte);
    Obtenha permissão e ou autorização de passagem;
  • Áreas de proteção ambiental como parques nacionais ou estaduais podem ser proibidos ou haver restrições para mountain bike, informe-se;
  • A maneira como você pedala e se comporta nas trilhas influenciará os gestores públicos e proprietários de terras sobre regras para permitir ou não o acesso às trilhas.

Não deixe Rastros

  • Seja consciente da terra que está abaixo de você;
  • Pratique o mountain bike pensando em baixo impacto ambiental;
  • Reconheça os diferentes tipos de solo e de construção de trilhas, trilhas úmidas e com barro são muito vulneráveis a danos;
  • Quando o leito de uma trilha estiver mole, considere pedalar por outra opção de rolê. Isto também quer dizer para estar em trilhas existentes e não abrir novas sem o devido planejamento e aplicação de técnicas adequadas;
  • Não corte caminho em curvas “cotovelo” (switchbacks);
  • Traga de volta tudo tudo que levou para trilha.

Controle sua Bicicleta

  • É legal curtir a velocidade livremente nas trilhas, mas excessos em áreas de uso compartilhado podem causar problemas;
  • Pilote tendo certeza que tem o controle de sua mountain bike;
  • Siga todas as orientações sobre velocidade e outras normas para os ciclistas.

Sempre dê a preferência ao próximo

  • Sempre demonstre que está se aproximando de alguém mais lento a frente, uma aproximação comum cumprimento amigável ou uma buzina tipo sino funcionam bem;
  • Em áreas compartilhadas ou de duas mãos, cuidado com outros usuários em pontos cegos ou em curvas;
  • Demonstre seu respeito ao passar por outro usuário da trilha, diminua a velocidade e esteja preparado para parar sempre que necessário.

James Herklotz demonstrates The Lean.
Photo credit: Ann Duncan
 https://bouldermountainbike.org/content/trail-etiquette

Evite assustar animais

  • Todos animais se assustam com aproximação repentina, movimentos bruscos ou barulho alto. Isto pode ser perigoso para você, para os animais ou para outros usuários da trilha;
  • Ao perceber um animal, diminua e deixe ele perceber sua presença ainda longe;
  • Quando encontrar cavalos esteja preparado para parar e  desmontar da bike, mantenha-se distante do animal, se necessário tranquilize o animal falando com ele calmamente, saia você com a bicicleta do caminho permitindo que o cavalo continue pela trilha;
  • Perturbar a vida animal pode configurar em desacato as leis ambientais.

Planeje seu rolê

  • Conheça seu equipamento, sua habilidade e a área que vai percorrer, sabendo de pontos de escape em caso de emergência;
  • Seja auto-suficiente todo o tempo, mantenha seu equipamento em boas condições de manutenção e carregue suprimentos necessários para alimentação, hidratação e mudanças de clima;
  • Sempre use capacete e outros equipamentos de segurança apropriados.

 

É comum ouvirmos que em determinada trilha não se pode mais passar, pois o proprietário em algum momento sentiu-se desrespeitado, ou por ciclistas passarem muito rápido enquanto caminhavam ou cavalgavam tranquilos, ou por passarem gritando, ou por deixarem porteiras abertas e  lixo.

Enquanto ciclistas de mountain bike, se quisermos parar de perder trilhas por conta destes problemas e ganhar respeito dos proprietários de terra, conhecer e praticar estes conceitos é um bom começo.

Qualquer que seja a sua, Maratona, XC, Enduro, All Mountain ou Cicloturismo, a montanha deve ser sua praia e as trilhas o caminho para curtir nela, aqui no Brasil e no Mundo. Vale começarmos a pensar em nos movimentar para trabalhar voluntariamente e em comunidade pelas nossas trilhas e pelo Mountain Bike, se ainda não conhece ou não leu em nosso blog, veja o que é a IMBA e o conceito de Trilhas Sustentáveis.

Fontes de informação,

Texto: livro Trail Solutions – IMBA’s Guide to Building Sweet Single Track

Fotos: http://www.imbacanada.com/rules-trail

James Herklotz demonstrates The Lean.
Photo credit: Ann Duncan
 https://bouldermountainbike.org/content/trail-etiquette

Tradução e adaptação de: Marcio Prado.